Há muito o que ver na preservada e histórica cidade de Tomar, pertencente ao distrito de Santarém. A cidade integrava a antiga província do Ribatejo. Com cerca de 40 mil habitantes, é um lugar de boa infraestrutura para visitas de turistas e de fácil acesso – especialmente se fores com a Dinamik Tours. Em nosso passeio, mostramos a nossos clientes alguns dos pontos de maior interesse turístico da cidade, com direito a algumas paradas para refrescar.

  • Castelo de Tomar
  • Convento de Cristo
  • Aqueduto dos Pegões
  • Igreja de São João Batista
  • Igreja de Santa Maria dos Olivais (ou de Santa Maria do Olival)
  • Igreja da Misericordia
  • Igreja de Santa Iria
  • Igreja de São Francisco
  • Ermida de Nossa Senhora da Conceição
  • Sinagoga de Tomar
  • Capela São Gregorio
  • Ermida Nossa Senhora da Piedade
  • Capela São Lourenço
  • Convento de São Francisco

Aproveite esse passeio de um dia e conheça toda a beleza e história dessa peculiar cidade portuguesa. Caso precise de mais informações ou passeios customizados, não deixe de entrar em contacto connosco.

O Convento de Cristo

Convento de Cristo (século XII – século XVIII) é o nome atribuído a um conjunto de edificações históricas situado na freguesia de São João Baptista, na cidade de TomarPortugal. O início da sua construção ocorreu próximo de 1160 e está ligado aos primeiros sinais do reino de Portugal e ao papel desempenhado na época pela Ordem dos Templários. O complexo foi reconfigurado e expandido nos séculos subsequentes, durante os quais abrigava a Ordem de Cristo.

O Castelo de Tomar

O castelo apresenta elementos de arquitetura militar nos estilos românico, gótico e renascentista. Assim como o convento, teve sua construção iniciada por volta de 1160. É um castelo de origem templária na margem direita do rio Nabão e integrou, durante a época da Reconquista, a chamada Linha do Tejo, junto com outros na região que lhe acompanham o estilo: os de AlmourolIdanhaMonsantoPombal e Zêzere.

Igreja de São João Batista

Essa é uma das principais obras religiosas de visitação frequente em Tomar. Junto com os muros do castelo, integra muitas fotos em guias e magazines. Construída no final do século XV, a igreja foi classificada como Monumento Nacional em 1910.

A Sinagoga de Tomar

Tomar é uma das poucas cidades portuguesas que divide, em pleno centro, espaços de fé católica e judaica. Embora os cultos na sinagoga tenha sido encerrados ainda no século XV, o edifício permanece relacionado à cultura judaica e hoje abriga o Museu Luso-Hebraico Abraão Zacuto.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *